sábado, 23 de agosto de 2008


"Seria tão bom se não aprendessemos que a vida seria bonita, mais fácil desse jeito... Ou melhor... Se não aprendessemos que nascemos pra ser felizes e essas coisas. Poderiamos apenas ser.
Poderiamos não sonhar, nem precisar ter esperança...
Poderiamos não querer sorrir. Satisfação seria simplesmente desconhecido. Satisfazer o que, se nem desejo existiria?

Seria brilhante como um papel em branco..."